SOROCABA / SP - terça-feira, 25 de julho de 2017

EPILEPSIA II INCIDÊNCIA

INCIDÊNCIA

 

A incidência da epilepsia varia de acordo com a localização geográfica.

 

Ela ocorre com maior freqüência nos países em desenvolvimento, onde há mais desnutrição, doenças infecciosas e deficiência no atendimento médico.

 

Em países mais desenvolvidos, a incidência é de aproximadamente 1%, subindo para 2% em nações menos desenvolvidas.

 

 

A epilepsia é mais comum na infância, quando aumenta a vulnerabilidade a infecções do sistema nervoso central (meningite), acidentes (traumatismos do crânio) e doenças como sarampo, varicela e caxumba, cujas complicações podem causar crises epilépticas.

 

O problema também poderá se manifestar com o envelhecimento e suas complicações vasculares.